...minha escrita até pode ser autodidata,
mas está bem longe de ser autobiográfica...

sábado, 19 de fevereiro de 2011

portA...


Ao menos podia me fazer um favor...



Quando bater a porta leve tudo que é teu


inclusive esse amor que mora aqui dentro de mim!





Maria Rita



7 comentários:

Batom e poesias disse...

Isso, ninguém leva.
Só se a gente deixar.

Lindo verso, querida.
bjs

Rossana

olhar disse...

E certifique-se se a porta foi bem fechada...pois imediatamente uma janela se abrirá...

beijos com carinho,

Bia

dizcorra disse...

Acho q é impossível levar isso embora...

Beijo!

Pedro Gaivota disse...

Quem te disse que eu vou embora...
Eu só me ausento de quando em vez para poder curtir o teu abraço no regresso...

Beijinhos Rita "Catita"

Michele P. disse...

Maria Rita

Sempre dizendo verdades, poeticamente perfeitas.

Seria muito bom se quando os amores resolvessem partir levassem tudo o que é deles...

Um abraço, minha amiga!

Paulo Francisco disse...

hummmmmmmmmmm Difícil, né?
Lindo texto
Um beijo

Sonica disse...

Muito bonito, Maria Rita!
Bjs